Fique10


5 Mitos da musculação para mulheres by editorfique10
setembro 12, 2012, 11:55 am
Filed under: Uncategorized

5 Mitos da musculação para mulheres

1-       Treinar  musculação fará você ficar grande e musculosa

Pelo  fato das mulheres não produzirem tanta testosterona (um dos principais hormônios  responsáveis em aumentar o volume muscular) quanto os homens, é impossível para  uma mulher ganhar músculos enormes levantando um pouco de peso. Esse mito deve  ter sido criado baseado na imagem das fisiculturistas profissionais.  Infelizmente, aquelas mulheres usam esteroides anabolizantes (testosterona  sintética) junto com outras drogas + treino pesado para atingirem aquele nível.  Acredite em mim quando eu digo que elas não ganharam aqueles músculos por  acidente. Mulheres que treinam musculação sem usar anabolizantes irão conseguir  um corpo tonificado, definido e livre de celulite.

 

2-      Musculação faz  gordura virar músculo

Isso  é o mesmo que dizer que você pode fazer qualquer metal virar ouro. O jeito que  ocorre a transformação é o aumento da massa muscular ao levantar pesos e a  redução de gordura através do metabolismo que se torna mais rápido, aeróbios e  dieta. Gordura e músculo são tipos de tecidos completamente diferentes. Um não  pode se transformar em outro.

 

3-      Se você parar de  treinar, seus músculos irão virar gordura

Novamente,  é como dizer que ouro pode virar latão. O que ocorre é que quando alguém pára de  treinar, os músculos começam a diminuir pela inatividade e geralmente, ela  também abandona a dieta. Daí então: hábitos alimentares errados + sedentarismo =  aumento de gordura, o que dá a impressão de que o músculo está virando gordura,  mas o que está acontecendo é que o músculo está diminuindo e a gordura sendo  acumulada.

 

4-     Desde que você treine,  você pode comer o que quiser

Como  eu gostaria que isso fosse verdade! Nosso metabolismo é quem determina quantas  calorias iremos queimar num exercício e no resto do dia. Se consumirmos mais  calorias do que queimamos, iremos engordar. Outra coisa: um pouco de exercício  não gasta TANTAS calorias como imaginamos. Então, qualquer escapada da dieta  você irá acumular gordura.

 

5-      As mulheres só  precisam fazer aeróbios e um treino leve de musculação

Primeiro  de tudo: se você só fizer aeróbios pode até emagrecer, porém além de perder  gordura, perderá massa magra também. A musculação, além de aumentar sua massa  muscular também ajuda na queima de gordura. Mulheres que só fazem aeróbios,  dificilmente chegarão no corpo durinho e malhado que desejam e, para atingir  esse corpo, o treino com pesos não  pode ser leve. Os músculos respondem a estímulos e se o estímulo é leve,  não haverá razão para o corpo mudar. Mulheres devem treinar pesado! Se você quer  conquistar um belo corpo, não tenha medo de aumentar seus pesos na  academia!

 

http://www.areadetreino.com.br

Fonte:Área de treino 5/9/2012

Anúncios


Esse DVD é demais! Participem!!! by editorfique10
agosto 31, 2012, 8:54 am
Filed under: Uncategorized

Imagem



Robson Caetano foi comentarista da Rede Globo e da SporTV por 10 anos e recentemente assinou com a Rede Record. Nesta entrevista exclusiva, o ex-atleta nos conta sobre sua experiência no esporte, importantes medalhas que ganhou e sobre sua vida de empresário. by editorfique10
agosto 16, 2010, 3:59 pm
Filed under: Entrevistas com famosos: Oque é ficar 10 pra vc? | Tags: ,

1. Como surgiu o esporte na sua vida?

De maneira natural, pois como todo menino eu tinha o sonho de jogar futebol e ser como o Sócrates na Seleção Brasileira, que, apesar da altura, era bom de bola e dava ótimos passes de calcanhar. Eu pensava em jogar futebol por isso, mas durante um rachão com vários meninos lá na Fazenda Botafogo, uma técnica de atletismo chamada Sonia Ricette passou bem na hora em que eu estava dando um pique para alcançar uma bola. Então o convite foi feito e, desde 1978, eu tive a chance de ser escolhido pelo esporte para estar em um grupo seleto de atletas que integraram seleção e foram a várias Olimpíadas.

2. Você foi comentarista da Rede Globo e da SporTV por 10 anos e agora está na Record para a cobertura do Pan Americano de 2011 e da Olimpíada 2012. Como esta transição de emissoras? Estou num ambiente que conheço muito bem e a televisão é algo que aprendi a respeitar, tanto como todos os profissionais envolvidos com transmissões e trabalhos menores, porém de grande importância também. Por isso minha transição está sendo muito tranquila. Saí da Rede Globo pela porta da frente sem rugas, mágoas e ainda tenho por essa emissora, que me ensinou tudo que sei de TV, grandes amigos e muito respeito. A minha vida agora é de ponte-aérea quase toda semana e de elaboração de um novo quadro para o “Esporte Fantástico”.

3. Quais são suas apostas nas próximas edições do Pan Americano e dos jogos olímpicos? Eu acredito muito em um novo talento que aprendeu a correr a prova dos 200 metros rasos, o Nilson de Oliveira, e a Fabiana Murer. No atletismo sempre há uma grande expectativa com a natação, pois o Pan é para o Brasil uma versão reduzida da Olimpíada, onde a quantidade de medalhas surpreende, mas não podemos comparar uma competição com a outra.

4. Você foi atleta profissional por mais de 20 anos e ganhou diversas medalhas importantes, inclusive duas medalhas olímpicas. Qual premiação você considera a mais importante? Qual é o momento mais inesquecível até hoje? Eu posso dizer que a medalha mais importante não existe, pois todas fizeram parte de uma estrada e todas elas têm sua importância, pois sem passar por sucessos menores não se chega a gloria olímpica ou mundial. Então, em 23 anos de carreira todas possuem o mesmo valor e o momento mais importante de minha vida foi quando eu venci uma competição em São Paulo, em 1987, pois pude apresentar a todas aquelas pessoas no estádio Ícaro de Castro Mello, com mais de 25 mil pessoas, o meu filho Gabriel, que estava com menos de 1 ano. Naquele momento eu me realizei como atleta e como homem.

5. Nos conte um pouco sobre a Robson Caetano Produções & Eventos. É uma empresa com profissionais que querem fazer a diferença no tratamento e no atendimento à atletas, empresários e celebridades, oferecendo serviços de coaching, assessoria, empresariado e também ampliando para o lado social com o Instituto Robson Caetano, que tem como intuito amparar jovens em situação de risco e pessoas que sofrem maus tratos domiciliares. E o mais importante: nós somos uma empresa de publicidade e eventos de vanguarda muito jovem, claro, porém com uma profissionais competentes.

6. Você participaria de um reality show? Já surgiu algum convite? Desde que com o consentimento de minha emissora e de minha advogada e empresaria eu participaria sim, afinal até já participei da Dança dos Famosos, no “Domingão do Faustão”. Na época da “Casa dos Artistas” chegou a surgir um convite, mas tinha acabado de assinar com a Rede Globo e não podia arriscar minha carreira ali para satisfazer meu ego, afinal tenho dois filhos pra cuidar e não posso me dar ao luxo de pensar apenas em mim.

7. O que é ficar 10 para você? Ficar em meu canto curtindo um esporte na TV, jogar golfe, fazer vôo livre, ler livros de Rubem Braga ou simplesmente dar pitaco nas obras que acontecem em casa.

8. Pratica exercícios todos os dias? Agora não, pois estou ficando meio velho para ficar cultuando o corpo, pois acho que a beleza se vai e o que fica são os valores que a vida te proporciona através das lições que ela te dá e o corpo cansado e marcado acaba sendo o sinal de que está na hora de pensar mais e deixar a imaginação ser a dona das coisas.

9. Qual seu cuidado com a alimentação? Eu nunca fui muito disciplinado no que diz respeito à alimentação, pois me considero um atleta do século passado…rs… Na minha época, todas as coisas eram testadas e a nutrição era apenas para fisiculturistas e começou a ser mais utilizada quando o trabalho de alteres passou a fazer parte integral da preparação dos atletas de alto rendimento, portanto era meu no meu “arroz com feijão” que as coisas aconteciam para mim e devo dizer que deu certo!

10. Segue algum regime ou cardápio? Eu me alimento quando tenho fome, ou seja, estou sempre comendo alguma coisa e não tenho nenhum tipo de dieta específica, mas se tem uma que eu gosto muito é o bom e velho feijão com arroz e um creme de abóbora.



TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE SILICONE – Conheça mais sobre este “amigo do peito” by editorfique10
julho 15, 2010, 8:49 am
Filed under: saúde | Tags: , ,

Certamente você já ouviu falar que a prótese de silicone pode atrapalhar o exame de mamografia, não é? Já deve também ter se perguntado: “Será que a implante pode romper dentro do corpo? E o que acontece se ele romper?”. Inúmeras dúvidas giram em torno desse “amigo do peito”, que desde a década de 80 vem sendo utilizado por milhares de mulheres que desejam aumentar ou reconstruir a mama, ter um corpo mais belo e também, é claro, aumentar a auto-estima.

Para esclarecer de uma vez por todas estas dúvidas, consultamos duas especialistas no assunto: a cirurgiã plástica Wanda Elizabeth Corrêa, coordenadora da Comissão de Silicone da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e membro da Câmara técnica sobre produtos e técnicas estéticas do Conselho Federal de Medicina, e a médica radiologista Fabiola Procaci Kestelman, do Instituto Nacional de Câncer (INCA), especializada em ressonância magnética. Confira:

“Quais os exames que toda mulher que tem silicone deve fazer?”

Independente da mulher possuir ou não implantes de silicone, o rastreamento do câncer de mama deve ser feito com mamografia a partir de 40 anos, anualmente, segundo a orientação da Sociedade Americana de Cancerologia. “Nos casos de mulheres com risco aumentado para câncer de mama (exemplo: história familiar fortemente positiva ou mutação genética que predispõe ao câncer de mama) pode-se associar a ultrassonografia e/ou ressonância magnética quando as mamas são densas”, lembra a radiologista.

“Qual ou quais exames faço para avaliar a integridade do implante? O que esses exames previnem/diagnosticam?”

Para avaliar a integridade do implante, a mamografia não deve ser o exame de escolha. O exame mais indicado é a ressonância magnética. Porém, a ultrassonografia, quando realizada por um radiologista especializado em mama, tem boa sensibilidade para detectar rupturas.

A mamografia tem sensibilidade alta para diagnosticar o carcinomas in situ, nos quais o tratamento oferece cura em até 100% dos casos. Esses, em grande parte dos casos, correspondem a microcalcificações na mamografia. “Carcinomas invasores pequenos também podem ser diagnosticados nas mamografias antes que sejam detectados na palpação das mamas feita pelo médico ou pela própria paciente. Tumores pequenos também têm alto índice de cura. A mamografia nestes casos pode mostrar um nódulo”, lembra Dra. Fabíola. Entretanto, um grande número de lesões diagnosticadas na mamografia e mesmo na ultrassonografia e ressonância magnética, correspondem a lesões benignas. Um exemplo é o fibroadenoma, que são nódulos de mama muito freqüentes nas mulheres. Por isso os exames devem ser avaliados por médicos especializados antes de se optar por uma biópsia.

“A prótese de silicone atrapalha a mamografia? O risco de câncer de mama aumenta com os implantes de silicone?”

De maneira alguma. A mamografia pode ser realizada em pacientes que tenham implantes de silicone tanto abaixo da glândula como abaixo do músculo, sem prejuízo para a prótese e nem para a visualização de lesões mamográficas. “É importante, no entanto, o técnico ser informado sobre a existência do silicone. Assim, realizará a chamada ‘Manobra de Eklund’, em que se traciona a mama para expor ao raio-x apenas o tecido mamário”, diz Wanda Elizabeth Corrêa.

Outro dado relevante é que implante de silicone não constitui fator de risco para desenvolvimento de câncer de mama.

“Esses exames são particulares ou podem ser feitos na rede pública?”

A mamografia está disponível na rede pública. O consenso do Instituto Nacional do Câncer orienta para controle do câncer que mulheres entre 50 e 69 anos façam mamografia bianual. Assim a rede pública deve oferecer mamografia para este grupo de mulheres. Com relação à ultrassonografia e ressonância magnética, a disponibilidade é variável de acordo com vários fatores, incluindo a região do país.

“Se eu não trocar a prótese mamária a cada 5 anos, ela pode romper e o silicone se espalhar por todo o corpo?”

Não há um prazo específico para a troca, e com as próteses atuais, mais resistentes e seguras, dificilmente a troca ocorrerá antes dos 15 anos. É possível usá-las indefinidamente, pelo tempo que permanecerem íntegras, mas sempre acompanhando através dos exames acima citados. Em relação ao rompimento, as próteses utilizadas no Brasil são feitas de gel coesivo (espécie de “gelatina bem consistente”). Se cortadas ou rompidas, o conteúdo não escorre. Não há esse risco.

“Os implantes de silicone têm prazo de validade?”

Embora os implantes não tenham estimativa de vida útil reconhecido pelo meio científico, a única fabricante de próteses de silicone na América Latina, Silimed, define atualmente um período médio de dez anos. Tal parâmetro pode ser alterado caso surja uma razão que justifique. “Hoje, há diversas pacientes no Brasil e no exterior com o mesmo implante há mais de 15 anos sem quaisquer problemas”, diz a cirurgiã plástica.

“Tenho silicone nas mamas. De quanto em quanto tempo devo ir ao meu médico?”

Muitas mulheres acabam esquecendo as recomendações médicas após colocar a prótese. “A maioria só volta a procurar um especialista quando aparecem os sintomas de complicações. É importante fazer acompanhamento com cirurgião. O ideal é que, após 10 anos, o acompanhamento seja anual e que seja feito exame de ressonância magnética a cada dois anos”, finaliza Wanda.

Divulgação: Rojas Comunicação

(11) 3675-4940 / 3873-6261



Jaque Khury – Modelo e Atriz by editorfique10
julho 6, 2010, 9:01 am
Filed under: Entrevistas com famosos: Oque é ficar 10 pra vc? | Tags: , ,

Jaque Khury

Jaque Khury

Jaque Khury é uma das apresentadoras do programa Legendários, da Rede Record. Para chegar onde está, já trabalhou muito: foi modelo, atriz e uma das participantes do Big Brother Brasil 8. Nessa entrevista, a bela nos conta sobre cada uma dessas experiências e também sobre seu dia a dia fora das câmeras. Confira:

1- Você começou sua carreira como modelo, é atriz formada e foi para na casa do BBB. Nos conte um pouco sobre cada fase.
Eu modelei desde muito nova e sempre trabalhei com publicidade em grandes agências de São Paulo. Como atriz já trabalhei na novela O Clone, da Globo, em 2002. E foi no BBB que o Brasil inteiro passou a me conhecer. De lá pra cá muita coisa já rolou. Estive no programa Interligado, da RedeTV, até chegar mo Legendários, da Record, sempre batalhando bastante.

2- Como surgiu o convite para participar do Legendários, na Rede Record?
Participei do programa Descarga MTV e zoei muito o Mionzinho. Daí o Mion gostou da minha espontaneidade. Depois me viu apresentando o Interligado, da RedeTV, gostou de mim e me convidou!

3- Qual sua relação com o Marcos Mion e os outros apresentadores?
Minha relação com eles é a melhor possível. Adoro todos no programa! São pessoas ótimas e engraçadas.

4- Você pretende seguir nesta área humorística?
Pretendo seguir na área de entretenimento. Não sou humorista. Quero ser uma apresentadora com bom senso de humor.

5- Você é corintiana fanática. Costuma acompanhar todos os jogos na TV e ir ao estádio?
Sou corinthiana doenteeee! Amo o Corinthians e acompanho sempre que posso. Assisto muitos jogos pela TV, mas como corinthiana fiel vou ao estádio sempre que posso!

6- Quais os cuidados que você tem com o corpo e com a pele? Você segue algum treino?
Tenho muito cuidado sim, pois sou muito vaidosa. Carrego sempre comigo várias coisinhas básicas, como base, sombra, lápis de olho, delineador, blush, pó… Mantenho sempre perto pois trabalho com a imagem. Trago comigo sempre o esmalte que uso na semana, pois pode lascar, daí eu retoco. Faço tratamento estético na Clínica Visia, do Dr. Claudio Mutti, e na Scandalo, em Alphaville. Na Scandalo faço também cabelo, pé, mão, massagem… Treino musculação na Target, também em Alphaville, e ainda faço algumas aulas de boxe. Pratico este esporte há 8 anos.

7- Costuma comer tudo o que te dá vontade ou tem uma alimentação regrada?
Gosto de comer de tudo sim, não gosto de passar vontade. Mas sou bem regrada quanto a quantidade e fico atenta sempre aos abusos. Se como algo calórico hoje vou malhar mais e não repetir a dose no mesmo dia ou até na semana.

8- O que é ficar 10 para você?
Ficar 10 é estar bem comigo mesma, bem no trabalho, bem nos amigos, bem com a família e feliz. Felicidade é tudo! Com ela o nosso dia fica bem melhor e nos dá motivação para encarar os desafios da vida!

9- Quais os lugares de São Paulo que você mais gosta?
Adoro a gastronomia de São Paulo e gosto de conhecer novos restaurantes. É isso que faço quando saio. Adoro os restaurantes da rua Amauri. Gosto de beber um bom vinho e ficar conversando por horas…

10- Em março de 2008 você foi capa da Playboy. Tem planos de posar de novo?
Ah, não sei… Minhas opiniões sempre mudam. Acho que não posaria novamente hoje, mas amanhã posso pensar diferente, vai saber…



Depilação para todas as mulheres – Para eliminar os pêlos indesejados, laser é a opção mais moderna e duradoura by editorfique10
junho 29, 2010, 10:05 am
Filed under: Dicas importantes | Tags: , ,

Não adianta discutir: como dizia o poeta Vinicius Moraes, a mulher deve ter “a pele fresca nas mãos, nos braços, no dorso e na face”.  Os pêlos são incômodos e a depilação é necessária. Em um país tropical, nada melhor do que ter as axilas, a virilha, as pernas e os braços sempre lisinhos.

A depilação, método utilizado para eliminar os pêlos, é utilizada há tempos, porém com o passar dos anos o processo evoluiu e hoje em dia existem várias maneiras de remover os pelinhos mais resistentes e obter um resultado satisfatório.

A famosa depilação com cera quente é a mais antiga. Acredite se quiser: até Cleópatra livrava-se dos pêlos com faixas de tecidos finos embebidos ao material. Como tudo o que é bom perdura, atualmente esse tipo de depilação é o mais utilizado. Porém, o senso comum diz muita coisa a respeito do assunto, mas nem todas são verdadeiras. “A conhecida história de que cera quente dá vasinhos, por exemplo, não passa de um mito, pois quando aplicada ela tem ação superficial não chegando nem perto das veias, que estão localizadas abaixo da derme”, afirma o dermatologista Agnaldo Augusto Mirandez, diretor da clínica Perfetta, em São Paulo, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia e membro da Academia Internacional de Dermatologia Cosmética.

Aquele papo de que a cera quente dá flacidez também é mentira, até porque o estímulo de puxar e o calor não atingem as fibras de colágeno nem a elastina. Já o que é dito sobre o aparecimento de manchas ou do escurecimento da pele devido ao uso da cera quente, procede, porque o produto depilatório tira a camada de proteção da pele, deixando-a mais exposta e vulnerável, de forma que quando exposta ao Sol pode dar origem a esse tipo de problema. “As mulheres mais sensíveis podem optar pela cera quente, pois ela atua como relaxante sobre a pele ao dilatar os poros, facilitando a retirada dos pêlos e conseqüentemente, diminuindo a dor”, diz Mirandez.

No entanto, a cera quente é uma faca de dois gumes, afinal ela retira melhor os pêlos, deixando-os cada vez mais fracos, mas quando nascem novamente encontram uma pele desidratada, seca e áspera, tendo problemas para rompê-la e, com isso, podem encravar. Quem acha que reutilizar cera depilatória não tem problema, pois acredita que o processo de fervura mata bactérias, engana-se! Algumas bactérias resistem a altas temperaturas ou até proliferam, por isso, sempre que fizer esse tipo de depilação só use cera descartável para evitar qualquer contaminação.

Para quem vive desconfiada em relação ao aproveitamento do material depilatório e para quem é muito sensível às altas temperaturas, a cera fria é a mais recomendada.  A técnica é prática e o resultado é perfeito, apesar da dor causada pela falta da fonte de calor usada para dilatar os poros e “anestesiar” a pele. Além de tudo ela é muito higiênica, pois a cera é colocada em um papel e colada na área que pretende ser depilada, de maneira que não dá para usá-la novamente.

Se as atribuições cotidianas não permitem que você vá ao salão quando precisa usar aquele vestido ou a tão desejada mini-saia, a depilação feita com lâmina é a solução. Rápida, prática e barata, pode ser feita em casa, porém, não espere um resultado duradouro, afinal a lâmina não arranca os pêlos pelas raízes, ela apenas apara-os. Outra desvantagem é que o corte é feito rente à pele, fato que pode dar origem a vermelhidão ou irritações. Para evitar ou amenizar essas complicações, as lâminas devem estar sempre novas e limpas, assim como os pêlos devem ser amolecidos com água morna e cremes específicos.

Outra solução “vapt–vupt” é o creme depilatório, ele age superficialmente e dissolve os pêlos. Porém, a rapidez da aplicação é proporcional à duração desse tipo de depilação, assim, os pêlos voltam a incomodar rapidamente. Também não se pode esquecer de fazer um teste em uma pequena região da pele, para verificar se o produto não causa nenhuma alergia.

Quem sofre com cera quente ou fria, não suporta o efeito da lâmina ou fica com a pele irritada devido aos cremes depilatórios, deve aderir ao laser. A técnica é a mais moderna, pois elimina cerca de 30% dos pêlos a cada sessão e é capaz de bloquear o crescimento de até 80% deles ao final do tratamento. Todavia, a depilação a laser não é definitiva, mas é a que confere os melhores e mais duradouros resultados que chegam a permanecer por até 2 anos. O procedimento consiste em três a seis sessões a cada 30 dias, sendo importante que antes e no decorrer do tratamento o paciente não tome Sol e mantenha a pele hidratada, por esse motivo o inverno é uma boa época para o tratamento. O investimento varia de R$150,00 a R$ 1000,00 por sessão, de acordo com a região a ser depilada. É preciso escolher a dedo a clínica que irá realizar esse tipo de técnica, porque quando mal feita, pode queimar a pele. “Na Perfetta, uutilizamos o aparelho Harmony XL módulo SHR, equipamento com tecnologia in motion que permite tratamentos rápidos e confortáveis. Para as pessoas que não respondem ao tratamento a laser fazemos a eletrólise, na qual os folículos são destruídos com descargas elétricas emitidas por uma finíssima agulha, que é posicionada em seu interior”, finaliza o especialista.

Independente da escolha que você fizer, alguns cuidados são necessários quando o assunto é depilação:

– se o procedimento for realizado em algum salão de beleza, a depiladora deve estar sempre com luvas e máscara;

– a pele deve estar limpa, sem que haja resto de cremes, hidratantes, óleo ou sujeira;

– a temperatura da cera precisa ser controlada para não queimar a pele;

– a cera deve ser sempre descartável, portanto jamais use esterilizada ou aquela que passou por uma peneira;

– os produtos usados devem ser escolhidos de acordo com a sua pele;

– os pêlos devem ser puxados em paralelo à pele (e não pra cima);

– três dias antes e três dias depois de depilar a pele, faça esfoliações para evitar pêlos encravados (foliculite);

– para ajudar na cicatrização e regeneração da pele, use as loções pós-depilação.



Gustavo Borges – Recordista Mundial de Natação by editorfique10
Gustavo Borges no Jogos PAN-AMERICANOS

Gustavo Borges no Jogos PAN-AMERICANOS

O recordista brasileiro em medalhas Pan-Americanas Gustavo Borges atuou em diversos clubes, já foi medalhista olímpico quatro vezes e recentemente lançou com a Cepall quatro dvd’s sobre a linha Acqua. Nesta entrevista, o atleta fala sobre o começo de sua carreira, seu lado empresário e a rede de academias que tem pelo Brasil. Confira abaixo:

1-Como foi que você chegou na natação e porque a escolheu?
Comecei a nadar pois sempre tive incentivo e muitos amigos que nadavam na época, o que facilitou minha entrada.

2-Sua carreira teve início na cidade de Ituverava, interior de São Paulo, e depois você representou o Clube Pinheiros. Conte-nos um pouco sobre a importância que este clubes trouxeram para sua carreira.
Em vários clubes fiz minha transição até chegar no nível profissional. Todos foram importantes em termos técnicos e ajudaram minha chegada aos EUA, em 1990.

3-Você é medalhista olímpico de natação por quatro vezes e é considerado recordista brasileiro em medalhas Pan-Americanas, medalhas da Copa do Mundo e recordista Mundial de natação. Qual foi a medalha mais importante que ganhou?
As quatro medalhas olímpicas com certeza são as mais importantes.

4-A última vez oficial que você competiu foi na Olimpíada de Atenas. Qual foi a sensação que teve por ser a última vez?
Foi um misto de alegria e tristeza, pois encerrei um ciclo e comecei outro. No dia a dia, a natação é muito cansativa,  entao a transição foi natural não foi traumática. Eu estava preparado para parar, mas sabia que ia sentir muita saudade.

5-Você tem alguma rotina diária de exercícios?
Sim, pratico 1 hora de exercícios diários (musculação, corrida) e aos finais de semana faço esportes leves, como tênis e vôlei, por exemplo.

6-O Troféu Gustavo Borges durou onze edições e a partir deste ano não terá mais. Você o substituirá por outro projeto? 
A princípio não. A tendência é resgatar o troféu de novo nos próximos anos.

7-Em quem você aposta atualmente na natação?
Atualmente o César Cielo, mas tem muitas pessoas boas também
.

8-Agora como empresário, como que você contribui para a natação? Fale um pouco sobre a expansão da sua rede de academias.
A ideia é crescer como rede de ensino na metodologia e como empresa. Pretendemos no ano que vem crescer pelo menos em 80 novas unidades.

-Recentemente, a Cepall lançou quatro dvd’s com você sobre o produto Acqua. Como foi que surgiu esta parceria?
Foram vários anos de conversa, contato e uma sinergia em comum da Cepall com o nosso interesse de divulgar algo que trabalhamos e ensinamos no dia a dia. Aí conseguimos unir as empresas e as vontades para produzir e lançar estes quatro dvds.

10-O ex-nadador Eduardo Scavone Schiesari (o Francês) é o assessor técnico de sua metodologia e vocês se conhecem desde o clube Pinheiros. Como funciona o trabalho que vocês exercem juntos?
Ele atua como colaborador e ajuda no desenvolvimento de produtos , como foi o caso dos dvd’s do produto Acqua.