Fique10


GLUTEOPLASTIA: CONTORNO, VOLUME E SEGURANÇA NA MEDIDA CERTA by editorfique10
junho 18, 2010, 4:10 pm
Filed under: saúde | Tags: , , , ,

Implante de silicone na região dos glúteos vira febre entre mulheres e homens, diz pesquisa IBOPE

Apesar de terem sido criados nos anos 60 para cirurgias reparadoras, hoje os implantes de silicone têm sido cada vez mais procurados para cirurgias estéticas. Tanto é que, segundo pesquisa IBOPE, encomendada pela coordenação do XI Simpósio Internacional de Cirurgia Plástica, e que acaba de ser divulgada, no ano de 2009 foram realizadas no Brasil 645.464 cirurgias plásticas, sendo 443.145 cirurgias estéticas (69%).

Dentro das cirurgias que utilizaram próteses de silicone (quase 159 mil), 156.918 foram em mulheres, das quais 5%, ou 7.771, corresponderam à gluteoplastia, que é recomendada para casos de assimetria, hipotrofia e flacidez dos glúteos com aumento e remodelagem das nádegas. Já no que diz respeito ao sexo masculino, acredite: do total de 1.793 homens que colocaram silicone no ano passado, 18% das cirurgias – 320 – também eram de glúteos.

Não é à toa que de acordo com dados da Silimed, única fabricante de implantes de silicone da América Latina, que exporta suas próteses para mais de 60 países, entre eles EUA, Alemanha e Japão, de 2008 para 2009 a procura pelas próteses de glúteo aumentou em 23%, sendo que o Estado de São Paulo é responsável por 33% das vendas, seguido pelo Rio de Janeiro (14%), Goiás (9%), Paraná (8%), Distrito Federal (7%) e Minas Gerais (7%). O tamanho de prótese mais procurado é o de 300 ml, que representa 25% das vendas; o segundo mais requisitado, o de 270 ml, equivale a 23%; e o terceiro colocado é o de 240 ml, que corresponde a marca de 13% das vendas da empresa.

Existem atualmente duas opções de próteses para o glúteo: lisa redonda e quartzo oval. Esta última, lançada recentemente, tem um desenho adequado ao padrão brasileiro. O implante é preenchido com gel de silicone exclusivo capaz de moldar o corpo com eficiência, naturalidade e segurança.

No que diz respeito à cirurgia, existem diversas técnicas, porém a mais utilizada é a que é feita através de uma incisão entre os glúteos com cerca de 5 cm. A partir deste corte a prótese é colocada dentro do músculo, pois ele a protege e possibilita um resultado mais natural. “O pós-operatório exige repouso nas primeiras 24 horas. É possível caminhar já no dia seguinte e retornar ao trabalho após dez dias. Quanto à cicatriz é praticamente invisível”, afirma o cirurgião plástico Raul Gonzalez (SP), membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e um dos pioneiros em gluteoplastia.

Nos consultórios médicos, a principal dúvida dos pacientes que pretendem aderir ao procedimento é em relação ao possível incômodo na hora de sentar. Segundo Gonzalez, nos primeiros dez dias de pós-operatório a pessoa deve dormir em decúbito lateral, mas já pode sentar no dia seguinte a cirurgia. As atividades normais costumam ser retomadas 10 dias após a cirurgia, podendo inclusive voltar a dirigir. Ginástica e academia devem esperar dois meses.

O implante no glúteo sozinho, no entanto, não é o suficiente para obter excelentes resultados. “Para ficar satisfeita com a cirurgia, é importantíssimo que a paciente conheça bem o cirurgião plástico, saiba se ele é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, faça todos os exames pré-operatórios solicitados pelo médico, nunca opere em consultório ou clínicas sem condições de dar suporte integral a vida e siga as recomendações no pós-operatório”, complementa Fernando Serra, cirurgião plástico do Rio de Janeiro.

Divulgação:

Yuri Antigo – Rojas Comunicação

(11) 3675-4940 / 3873-6261



Ginástica Laboral traz benefícios às empresas e seus funcionários by editorfique10
junho 2, 2009, 4:09 pm
Filed under: Ginástica Laboral | Tags: , , , ,

Ginástica Laboral é uma atividade de alongamento muscular orientada, praticada em empresas, sob orientação de um profissional. Sua finalidade é diminuir os reflexos do sedentarismo e, ao mesmo tempo, evitar lesões contraídas durante o expediente, causadas por movimentos repetitivos, posicionamento inadequado ao se sentar, entre outros.

Estudos do Ministério da Saúde apontam os benefícios desta atividade, como aumento da produtividade no trabalho em até 5%, redução de acidentes de trabalho em até 25% e problemas de absenteísmo em até 20%.

Além destes problemas que são superados no horário do expediente, a Ginástica Laboral contribui para a manutenção do bem estar também fora do trabalho. Ela ajuda a manter os músculos sempre alongados, o que evita a fadiga muscular; corrige a má postura, que pode causar lesões na coluna; reduz o estresse e tensão, contribuindo para um melhor relacionamento com as pessoas.

Especialistas recomendam parar as atividades por alguns minutos a cada duas horas de trabalho e alongar grandes grupos musculares, como ombros, pernas e troco, a fim de evitar problemas de postura e má circulação.

Alguns exercícios executados na Ginástica Laboral

Espreguiçar (ombros e cotovelos) – Em pé, levante os dois braços e os mantenham esticados, com as mãos espalmadas para cima e os dedos entrelaçados. Feito isso, faça movimentos circulares com os braços durante 20 segundos.

Circundução da cabeça (coluna cervical) Em pé ou sentado, com a coluna reta, faça movimentos circulares com a cabeça, variando os lados. Faça pelo menos 10 repetições para cada lado.

Rotação tronco (coluna lombar) Em pé, com os braços erguidos à meia altura e com as pernas paradas, faça movimentos com o tronco para a esquerda e para a direita. Faça esse movimento por 20 segundos.

Saci (joelho e tornozelo) – Em pé, leve a mão esquerda para trás do corpo e segure o peito do pé direito, flexionando a perna para trás. Após 20 segundos de duração, mude de posição.

Inversão / Eversão (tornozelo) – Em pé, coloque uma perna à frente e levemente levantada. Faça movimentos giratórios com o tornozelo, para dentro e para fora. Concentre o movimento por 20 segundos.

Conheça também os acessórios fitness da Cepall e o kit para montar sua academia em casa.

Divulgação: Rojas Comunicação

(11) 3675-4940 / 3873-6261



COMPUTADOR AJUDA A EVITAR EXAGEROS NA CIRURGIA PLÁSTICA by editorfique10
abril 17, 2009, 2:11 pm
Filed under: saúde | Tags: , , , , , , ,

Você finalmente decidiu fazer a tão sonhada cirurgia plástica, mas está com medo de saber como ficará seu visual? Está com receio que seus seios fiquem grandes demais ou que seu nariz fique muito arrebitado? Calma! Você poderá ter em suas mãos uma simulação do resultado da cirurgia antes de entrar na faca.

Um novo software (programa de computador) que permite um estudo prévio do resultado da cirurgia plástica foi desenvolvido por uma empresa americana e está sendo muito utilizado no mundo todo.
 
A simulação é feita de forma rápida e sem muitos transtornos. Primeiro, a equipe médica tira fotos da paciente de diversos ângulos. Essas fotos são analisadas pelo programa de computador e, com a utilização das ferramentas disponíveis no software, as mudanças são feitas pelo cirurgião plástico. Graças aos recursos disponíveis no programa, muito parecido com o já conhecido Photoshop, o médico consegue apresentar ao paciente um estudo que mostra como poderá ser o resultado da cirurgia.

Esse programa permite a simulação de cirurgia para aumentar ou diminuir os seios (mamaplastia), simula resultados das cirurgias de contorno corporal como lipoaspiração, lipoescultura e abdominoplastia (cirurgia para melhorar o abdome), rinoplastia (cirurgia de nariz), otoplastia (cirurgia para correção de orelhas em abano), blefaroplastia (cirurgia para amenizar os sinais de envelhecimento na região dos olhos), facelifting (cirurgia para rejuvenescimento da face), além de simular os resultados obtidos com técnicas menos invasivas como aplicação de ácido hialurônico ou toxina botulínica (famosos preenchimentos faciais).
 
Segundo o cirurgião plástico Ewaldo Bolivar de Souza Pinto, a utilização do programa é  importante, pois o cirurgião consegue avaliar previamente como será o resultado e o paciente também se sente mais seguro, pois muitas vezes chega ao consultório indeciso, sem ter a menor idéia de como ficará sua aparência após a cirurgia. O médico ressalta que o paciente deve estar ciente que trata-se apenas de uma simulação e que o resultado verdadeiro da cirurgia depende de diversos outros fatores clínicos.

Divulgação: Rojas Comunicação
(11) 3675-4940 / 3873-6261



Por que fazer alongamento? by Ariana Dêgelo
fevereiro 28, 2009, 10:06 pm
Filed under: Alongamento | Tags: ,

Alongar !
Muitos estudos têm comprovado que a falta de atividade física é prejudicial à saúde. Os chamados males modernos, como o stress, doenças do coração e até mesmo a obesidade são frutos da inatividade.
Uma boa forma de evitar a inatividade são os trabalhos de alongamentos, que são o ponto de divisão entre a vida sedentária a vida ativa.
Ao manter os músculos flexíveis, o indivíduo corre menos riscos de um possível
estiramento em movimentos bruscos, durante a a execução de atividades físicas.
Os alongamentos são exercícios fáceis, mas mesmo assim todo cuidado é pouco. Ao praticá-los de maneira incorreta pode-se prejudicar o sistema neuromuscular. Fazendo corretamente é uma atividade muito agradável.
Os limites do corpo não devem ser ultrapassados, para que o exercício torne-se eficiente, tenha qualidade e esteja de acordo com a sua estrutura muscular.
O trabalho de alongamento deve ser realizado de forma lenta e gradual principalmente aos iniciantes.
Qualquer pessoa pode realizar o trabalho de alongamento, independente de idade ou flexibilidade, não sendo necessário ser atleta ou ter condicionamento invejável.
Alongar-se é um exercício apropriado para qualquer horário, e podem ser realizados em qualquer lugar, como no trabalho, na rua, em casa, em cima da cama, vendo televisão ou sempre que sentir necessidade de aliviar uma tensão.
A redução de tensões musculares e sensação do corpo mais relaxado, prevenção de lesões, melhor circulação sangüínea, são alguns dos benefícios que o alongamento trás ao nosso corpo.
É sempre indicado para qualquer início de atividade física, uma avaliação por um médico.

Fonte: Cyberdiet



Musculação by Ariana Dêgelo
dezembro 12, 2008, 1:40 pm
Filed under: Treinos de Exercícios | Tags: , , ,

Vantagens da Musculação

– Trabalha e define rapidamente os músculos, principalmente os das pernas, braços e abdômen.

– Aumenta a massa muscular.

– Melhora a coordenação motora.

– Reduz o risco de lesões.

– Trabalha a postura corporal.

– Ajuda a evitar a perda muscular que ocorre a partir dos 25 anos, principalmente depois dos 50 anos. – Pode ser feita em qualquer idade. Os idosos podem tirar muitos benefícios da musculação.

Riscos

– Nenhum exercício deve ser feito sem acompanhamento médico e de um especialista.

– Todos os exercícios devem ser feitos de forma correta. Caso contrário, podem ocasionar rompimento de ossos, músculos ou ligamentos, além de dores na coluna e desvios de postura. Neste caso, uma intervenção cirúrgica pode ser necessária.

– Adolescentes podem ter o crescimento afetado, caso estiverem nessa fase.

Período mínimo para fazer efeito

– O praticante começa a sentir os resultados entre 45 dias e 60 dias, se praticar 5 vezes por semana, cada dia um grupo de exercícios diferentes.

Gasto calórico médio

– De 300 kcal/hora, dependendo da série de exercícios trabalhada. Observação: A queima de gorduras localizadas depende do sexo, idade, metabolismo e condicionamento físico da pessoa.

Quem deve fazer

– Qualquer pessoa pode fazer musculação, desde que tenha realizado o exame médico e tenha sempre um profissional formado e especializado acompanhando os exercícios.

– É indicado para quem procura perder gordura, aumentar a massa muscular e definir o corpo.

– Pessoas com problemas de postura também podem tirar benefícios da musculação correta.

– Adolescentes em fase de crescimento ósseo devem fazer exercícios para a postura, deixando para mais tarde exercícios de ganho de massa muscular.

– Pessoas com tensão arterial alta, diabetes, problemas cardíacos ou circulatórios são aconselhadas a consultar um médico antes de começar.

Dica do especialista

Não existe musculação sem o acompanhamento médico e de um especialista formado. Fazer exercícios sem esses profissionais pode causar graves lesões. Nunca pense que o resultado mais rápido é o melhor. Fazer com calma é sempre mais aconselhável.

Carlos Eduardo Duonocore (professor e coordenador da Academia Universidade do Corpo)



Hidroginástica by Ariana Dêgelo
dezembro 12, 2008, 1:39 pm
Filed under: Treinos de Exercícios | Tags: , , , ,

Vantagens

– Melhora dos níveis de força e desenvolvimento dos principais grupos musculares.

– Aumento da circulação sangüínea e da resistência do sistema cárdio-respiratório.

– Tonifica os músculos, torneando braços, pernas e bumbum.

– Quem faz hidroginástica melhora a flexibilidade das articulações.

Riscos

– Desde que você tenha feito uma consulta médica anterior, não há nenhum tipo de problema.

– Como a hidroginástica é uma atividade praticada com a água no nível do ombro, o peso do corpo diminui 90%. Isso quase que elimina os impactos musculares e das articulações.

– Quanto mais baixo o nível da água, maior será o impacto. Observação: para calcular a sua freqüência cardíaca ideal, os médicos costumam recomendar usar a fórmula: 220 – idade = freqüência cardíaca máxima (100%). Na dúvida, consulte um médico.

Período mínimo para fazer efeito

– Para se perceber os benefícios da hidroginástica é preciso praticá-la, pelo menos, 3 vezes por semana, 45 minutos por dia, durante 3 meses.

– Para um melhor desempenho cardiovascular, a freqüência desejada é entre 70% e 85%. Para queimar gordura e perder peso, a freqüência cardíaca ideal é entre 55% e 70%.

Gasto calórico médio

– De 260 a 400 kcal/hora

Quem deve fazer

– A hidroginástica é uma das únicas atividades indicadas para quem tem pouco ou nenhum condicionamento físico. Apesar disso, pessoas de todas as idades e níveis de condicionamento podem praticá-la.

– Atletas lesionados fazem hidroginástica porque ela fortalece a musculatura, protegendo as articulações. Pela mesma razão, muitos idosos procuram essa atividade para aumentar a força muscular.

– Indicado também para quem tem problemas de coluna e para gestantes, já que previne dores lombares e cervicais, aumenta a circulação nas pernas, facilitando o parto e sua posterior recuperação.

Dicas do especialista

Sempre encaixar o quadril e manter a postura ereta. Enquanto estiver se exercitando, manter todo o pé apoiado no chão e contrair o abdomem. Além disso, é essencial que se mantenha a respiração contínua, sem bloqueá-la. Aumente a intensidade de acordo com o seu ritmo e evite comer uma hora antes de iniciar o exercício.

Conheça os acessórios para exercícios de natação da Cepall, que podem complementar seu treinamento de musculação com elásticos exensores.



Dicas para se alongar by Ariana Dêgelo
dezembro 12, 2008, 12:33 pm
Filed under: Alongamento | Tags: ,

Apresento nesta tabela algumas sugestões de posições para o
alongamento estático no qual deve-se alongar
suavemente até chegar ao ponto de leve desconforto. Você não
deve sentir dor! Mantenha-se estático em cada
posição de 20 a 30 segundos. É aconselhável alongar-se antes
e depois do exercício. Não alongue imediatamente
após o treinamento longo ou intenso, neste caso descanse um
pouco e hidrate-se antes do alongamento.

apresentacao1