Fique10


Marcelo Negrão by editorfique10

Embaixadores do Esporte

Embaixadores do Esporte

Com um saque indefensável no ponto final, Marcelo Negrão se consagrou e ajudou o Brasil a conquistar o até então inédito ouro olímpico, em Barcelona-1992. Nascido em São Paulo (SP), cresceu em Recife (PE), onde começou a jogar vôlei. Eleito por duas vezes melhor jogador do mundo, foi bicampeão da Liga Mundial (1993/2001), campeão da Copa Européia de Clubes (1994) e campeão italiano (1994). Marcelo disputou a Liga Mundial de 2001 e depois foi tricampeão da Superliga em 2003, pelo Ulbra. Casado com Ísis Negrão, Marcelo é pai de dois meninos e é o único dos Embaixadores que continua na ativa, no vôlei de praia – dupla com Adriano.

1-) Jogar vôlei de praia exige muito do preparo físico. O que você faz para manter-se fisicamente?

Treino com bola durante uma hora e meia na areia, mais uma hora de musculação, por dia.

2-) Qual modalidade exige mais esforço físico: vôlei de praia ou de quadra?

A areia,  por ser “fofa”, dificulta na hora da corrida, da impulsão para o salto. Portanto, vôlei de praia desgasta mais.

3-) Que alimentos você consome na sua rotina alimentar?

Como um pouco de tudo, claro, sem exageros. Mas o que não falta no meu prato é carne, seja vermelha ou branca.

4-) Além do vôlei, você gosta de praticar algum outro esporte?

Sim, gosto muito de natação. Por ser um esporte completo, me ajuda a manter e a desenvolver a musculatura.

5-) Qual a sua opinião sobre anabolizantes?

Todos nós sabemos que os anabolizantes não fazem bem algum para a saúde. Te dá uma “falsa” sensação de ter mais força, mas, no final, acaba prejudicando sua vida profissional e particular.

6-) Já faz o uso de anabolizantes durante algum período da carreira?

Nunca usei e nunca vou usar.

7-) Existe diferença nos treinamentos de vôlei de praia e areia?

Sim, muita. Meu corpo era acostumado a jogar em um ambiente fechado, chão liso, sem nenhuma imperfeição, bola mais leve. Agora, na areia, os treinamentos são completamente diferentes. A bola é mais pesada, o posicionamento em quadra é outro, o terreno é irregular e a céu aberto e, com o vento, a trajetória da bola muda, fazendo agente correr mais e, consequentemente, cansar mais.

8 -) Você procura incorporar sua rotina física e alimentar em sua família?

Bom, não imponho nenhuma restrição alimentar aos meus filhos. Deixo eles comerem de tudo, claro, sem exagero. Já minha esposa pratica esportes e se alimenta muito bem.

9-) O que você procura fazer nas suas horas livres para conseguir uma boa qualidade de vida?

Morando em São Paulo, a qualidade de vida fica a desejar. Nas horas livres, gosto muito de viajar, se possível para lugares que tenham praia ou posadas que tenham piscina. Assim, me sinto mais próximo dos meus filhos.

10-) Qual a importância da boa alimentação e praticar esportes?

Nos dias de hoje, com a vida estressante que vivemos, em especial nas grandes cidades, sabemos que a alimentação aliada à atividade física é um ponto fundamental para conseguirmos ter uma qualidade de vida melhor, principalmente na terceira idade.

11-) O que é ficar 10 pra você?

Para mim, ficar 10 é, primeiramente, estar bem consigo mesmo. Isto consequentemente reflete no convívio com a família e os amigos, coisa que nunca abro mão, pois eles são a base da minha vida. Como esportista, ficar bem é estar com a saúde sempre em dia, com uma alimentação balanceada, sem exageros e sempre praticando atividade física. E como não poderia faltar, ficar 10, é quando estou na quadra fazendo o que eu mais amo na vida, jogar vôlei!

Anúncios


Aproveite o inverno para deixar o bumbum em forma by editorfique10
junho 4, 2009, 9:55 am
Filed under: Academia em casa | Tags: , , , , , ,

Sempre quando o verão chega e vamos colocar o biquíni, ficamos frustradas com as gordurinhas adquiridas no inverno. Para isso não acontecer de novo, aproveite esta época do ano para ficar em forma, e dedique uma atenção especial ao seu bumbum, pois, afinal, ele é considerado a “paixão nacional” e odiamos ver aquela celulite ou flacidez onde não deveria estar.

Além da malhação, que é essencial para ficar sarada e com o bumbum empinado, existem algumas coisas do dia-a-dia que se forem evitadas, podem ajudar bastante o nosso organismo. O mais importante é beber bastante água todos os dias, por exemplo, e se alimentar corretamente, sem abusar de frituras e massas.

Confira alguns exercícios para deixar o glúteo empinado e durinho:

  • Com os antebraços apoiados no chão, abdômen contraído, em quatro apoios, estenda uma perna, elevando-a até a altura do quadril com o pé flexionado e retorne depois à posição inicial. Repita o exercício 20 vezes consecutivas, com 3 séries de 20 em cada lado.
  • Antebraços apoiados no chão, eleve a perna flexionada até a altura do quadril e retorne à posição inicial. Faça 20 repetições, com 3 séries de 20 para cada perna.
  • Mantenha os cotovelos e joelhos apoiados a 90º do chão e o abdômen contraído, formando a posição de quatro apoios. Em seguida, deixe a perna a ser trabalhada ligeiramente fora do chão. Para aumentar a intensidade do exercício, use uma caneleira (pesinho) ou elásticos, que são bem baratos e fazem toda a diferença.
  • Estenda a perna de execução lentamente, contraindo o glúteo, e volte à posição inicial. Cuidado para não mexer a coluna e causar lesões. Neste exercício, você pode usar caneleiras ou elásticos também.

Conheça também os aparelhos de ginástica da Cepall e o kit para montar sua academia em casa.



DIGA ADEUS PARA AQUELA “BARRIGUINHA” by editorfique10

Não tem jeito! Por mais que elas neguem, a preocupação número 1 das mulheres ainda é o tamanho da barriga. Tanto é que, ao primeiro sinal de ganho de peso, as roupas que valorizam esta parte do corpo, vão parar no fundo do armário.

Foi pensando na boa forma e também na melhor qualidade de vida das mulheres, que selecionamos alguns exercícios para eliminar a tão indesejada “barriguinha”, assim como alguns hábitos para manter o abdome tonificado.

Primeiramente, é necessário modificar a alimentação. Evite alimentos muito calóricos como frituras, bebidas alcoólicas, refrigerante, pão, queijo e embutidos (lingüiça, presunto, salame e salsicha). Além das calorias, esses alimentos provocam gases e também retém líquidos, favorecendo o aparecimento de gordura no abdome.

Dê preferência aos alimentos diuréticos como chás, suco de limão, melancia, morango, beterraba, cenoura, pepino e tomate. Esses alimentos, além de saudáveis, ajudam a diminuir o inchaço do corpo. Quanto aos exercícios físicos, separamos os três melhores que deixarão a barriga sarada o ano inteiro.

Exercício número 1 – Deite de lado, com a coluna reta e pernas estendidas na linha do tronco, deixe a cabeça apoiada em uma das mãos e a outra mão no chão à frente do tronco. Eleve as pernas juntas e contraia a região lateral do abdômen , soltando devagar. Para ficar mais intenso, coloque caneleiras ou elásticos nos tornozelos, como por exemplo, o Legs up, da Cepall . Faça de 2 a 3 séries, com 15 repetições.

Exercício número 2 – Deite de costas, suba ao mesmo tempo o tronco e as pernas estendidas, até ficar sentada nos ossinhos do bumbum. Mantenha o abdômen contraído, as costas retas e as mãos na altura dos joelhos. Permaneça nessa posição de 5 a 10 segundos e faça 10 repetições.

Exercício número 3 – Deite de bruços, mantendo os cotovelos na linha dos ombros. Eleve o tronco contraindo o abdômen. Mantenha sempre o corpo reto, sem arrebitar o bumbum ou deixar a pélvis cair. Fique nessa posição de 5 a 10 segundos e faça 10 repetições.

Conheça também os equipamentos fitness e aparelhos de ginástica da Cepall com elásticos exensores para exercícios variados.

Bom exercício pra vocês!!



Ginástica Laboral traz benefícios às empresas e seus funcionários by editorfique10
junho 2, 2009, 4:09 pm
Filed under: Ginástica Laboral | Tags: , , , ,

Ginástica Laboral é uma atividade de alongamento muscular orientada, praticada em empresas, sob orientação de um profissional. Sua finalidade é diminuir os reflexos do sedentarismo e, ao mesmo tempo, evitar lesões contraídas durante o expediente, causadas por movimentos repetitivos, posicionamento inadequado ao se sentar, entre outros.

Estudos do Ministério da Saúde apontam os benefícios desta atividade, como aumento da produtividade no trabalho em até 5%, redução de acidentes de trabalho em até 25% e problemas de absenteísmo em até 20%.

Além destes problemas que são superados no horário do expediente, a Ginástica Laboral contribui para a manutenção do bem estar também fora do trabalho. Ela ajuda a manter os músculos sempre alongados, o que evita a fadiga muscular; corrige a má postura, que pode causar lesões na coluna; reduz o estresse e tensão, contribuindo para um melhor relacionamento com as pessoas.

Especialistas recomendam parar as atividades por alguns minutos a cada duas horas de trabalho e alongar grandes grupos musculares, como ombros, pernas e troco, a fim de evitar problemas de postura e má circulação.

Alguns exercícios executados na Ginástica Laboral

Espreguiçar (ombros e cotovelos) – Em pé, levante os dois braços e os mantenham esticados, com as mãos espalmadas para cima e os dedos entrelaçados. Feito isso, faça movimentos circulares com os braços durante 20 segundos.

Circundução da cabeça (coluna cervical) Em pé ou sentado, com a coluna reta, faça movimentos circulares com a cabeça, variando os lados. Faça pelo menos 10 repetições para cada lado.

Rotação tronco (coluna lombar) Em pé, com os braços erguidos à meia altura e com as pernas paradas, faça movimentos com o tronco para a esquerda e para a direita. Faça esse movimento por 20 segundos.

Saci (joelho e tornozelo) – Em pé, leve a mão esquerda para trás do corpo e segure o peito do pé direito, flexionando a perna para trás. Após 20 segundos de duração, mude de posição.

Inversão / Eversão (tornozelo) – Em pé, coloque uma perna à frente e levemente levantada. Faça movimentos giratórios com o tornozelo, para dentro e para fora. Concentre o movimento por 20 segundos.

Conheça também os acessórios fitness da Cepall e o kit para montar sua academia em casa.

Divulgação: Rojas Comunicação

(11) 3675-4940 / 3873-6261



IMPORTÂNCIA DA ATIVIDADE FÍSICA NA TERCEIRA IDADE by editorfique10
abril 15, 2009, 9:14 am
Filed under: Dicas importantes | Tags: , , , ,

Pesquisas mostram que a expectativa de vida está aumentando. Até 2020, nosso país deverá ter a sexta maior população de idosos do mundo. Mas sabemos que conforme os anos vão passando, problemas de saúde podem aparecer. Hábitos alimentares equivocados e a falta de atividades nessa fase acabam causando várias mudanças no corpo. As principais são:

– Aumento na quantidade de gordura no organismo;
– Diminuição da força muscular;
– Osteoporose;
– Enfraquecimento de ligamentos e tendões;
– Diminuição dos reflexos de ação e reação;
– Diminuição da coordenação e habilidade motora;
– Perda de equilíbrio, sujeitando a quedas e conseqüentemente fraturas;
– Aumento da incidência de doenças, como a hipertensão, câncer e diabetes.

Praticar algum tipo de atividade física, juntamente com uma alimentação apropriada, melhora e muito a qualidade de vida dos idosos, pois ajudam a reduzir ou mesmo eliminar alguns desses problemas.

Como voltar a se exercitar:

O começo pode ser difícil, mas não desanime. Faça do exercício um hábito. Inicie devagar, aumentando a intensidade gradualmente. Períodos de 30 minutos já são suficientes e dão resultado. Eles melhoram a movimentação das articulações, a flexibilidade, diminuem a tensão articular, aumentam a força e a resistência dos membros, além de eliminarem o desânimo e o estresse. Os sistemas cardiovascular e respiratório também serão beneficiados.
Tente praticar de duas a três vezes sessões durante o dia, até seu condicionamento melhorar. O que importa é se exercitar. Algumas atividades que você pode escolher são:

– Caminhada;
– Andar de bicicleta;
– Natação e Hidroginástica;
– Dançar;
– Pilates e Ioga.

Exercícios musculares também são fundamentais. Especialistas os apontam como a prática perfeita para as pessoas da terceira idade. Eles combatem a perda de massa muscular e fortalecem os ossos, combatendo a osteoporose. Além disso, a musculação age na prevenção de problemas posturais e de coluna. Ajuda também a estabilizar a pressão arterial, sendo uma das melhores armas contra a hipertensão, o colesterol e a diabetes. Mas o ideal é ter um programa adequado a sua condição física. Procure um especialista. Ele vai te avaliar e indicar os melhores programas e os aparelhos adequados para os exercícios.

Se quiser praticar os exercícios em casa, um dos programas mais fáceis e versáteis é o Elastiness. Produzido pela Cepall, é capaz de oferecer 15 tipos possíveis de exercícios e alongamentos, que podem ser feitos no trabalho, na viagem, no lar, ou quaisquer outros lugares escolhidos. É um aparelho feito com material elástico que fortalece e modela os músculos dos braços, ombros, peito, pernas e glúteos.

Dicas para melhorar e animar se programa de atividade física:

– Verifique seu estado de saúde com um profissional médico. Caso tenha problema de saúde crônico, pergunte qual tipo de atividade física é o mais adequado a você;
– Use roupas e calçados confortáveis e apropriados à atividade física que estiver fazendo;
– Caso sentir algum incômodo, interrompa a atividade física e consulte um médico;
– Coma alimentos nutritivos. Faça um seleção balanceada, com cereais, proteínas, legumes e frutas. Alimente-se a cada três horas e ingira bastante líquidos por dia;
– Não se esqueça do alongamento antes e depois de suas sessões. Isso evita lesões musculares;
– Traga amigos ou parentes para suas práticas. Eles vão te apoiar e fazer com que tudo se torne mais agradável. Ou se preferir, faça atividades em lugares públicos. Assim você conhece pessoas e faz amigos. Isso melhora sua auto-estima, confiança e humor. A dança e a hidroginástica são bons exemplos.

Lembre-se que nunca é tarde para começar. Dificuldades vão existir, mas são iniciais e podem ser superadas pela experiência e sabedoria que você adquiriu ao longo da vida. Os benefícios para o corpo e a mente serão ótimos para que sua aposentadoria seja mais leve e agradável.

Há todo um caminho pela frente e nada melhor que percorrê-lo com disposição, alegria e saúde. Procure um especialista que lhe indique os melhores exercícios, faça uma avaliação física e mãos à obra!

Divulgação: Rojas Comunicação
(11) 3675-4940 / 3873-6261

Conheça também a linha de aparelhos de ginástica da Cepall e o kit para montar usa academia em casa.



Previna-se: O coração pode “pifar” by editorfique10
março 30, 2009, 9:23 am
Filed under: Dicas importantes | Tags: , , , ,

Ao contrário do que se pensava, os problemas cardíacos podem atingir pessoas de qualquer idade, inclusive adolescentes

Estress, vida sedentária, tabagismo, álcool em excesso, muitos males irreparáveis ao coração. Mas mesmo com as insistentes campanhas publicitárias, conselhos de médicos e de especialistas, pouca gente dá a atenção devida a este perigo, que aflige milhões de brasileiros, e o que é pior, pouca gente sabe que os problemas cardíacos também podem atingir pessoas jovens – inclusive os adolescentes. Além disso, uma pessoa que também tenha uma vida normal, que faça exercícios com frequência, não fuma, nem bebe e que viva com tranqüilidade sem preocupações também pode ter problemas com o coração.

Qualquer pessoa pode ter problemas do coração, independente da sua idade. É justamente por isso que todas as pessoas, de qualquer idade, devem realizar periodicamente exames de avaliação cardíaca. Quanto mais cedo identificado um problema, maiores são as chances de tratamento e adoção de um estilo de vida adequado à realidade encontrada.

As pessoas têm uma idéia errada de que somente os velhos e os obesos é que podem ter problemas do coração. Isto não é verdade. A realização de exames, os cuidados com as alterações do trigriceres e o nível de colesterol, tudo isto é muito importante. Para aquelas pessoas, que estão no grupo de risco é essencial que se comece a corrigir seus hábitos, evitando o cigarro o álcool e também o sedentarismo, melhorando assim a qualidade de vida e evitando que venha a ser um possível paciente. Os cardiologistas afirmam que o inimigo número 1 do coração é o cigarro, que causa um mal irreparável ao órgão. Em seguida estão classificados o sedentarismo e o estress, considerado o mau do século.

Exercícios representam outro problema. Eles podem causar até mesmo um ataque fulminante se forem praticados antes de uma consulta médica para se analisar o nível de resistência. “Uma pessoa que nunca tenha feito exercícios físicos com regularidade pode sofrer um ataque e até mesmo morrer, pois ela não sabe as condições reais do seu coração”, explica o cardiologista.

Antes de iniciar a prática de exercícios é necessário que se realize os exames necessários para evitar problemas futuros. Seguindo estas recomendações cada pessoa poderá no mínimo estar garantindo uma vida mais longa e saudável e ainda contribuindo com a saúde do coração.

Fonte: http://www.canalsaude.com.br



Como deixar seu abdômen trincado para o verão by Christiane
fevereiro 28, 2009, 11:14 pm
Filed under: Uncategorized | Tags: , , , ,

A barriga “tanquinho” vem se tornando um dos símbolos mais importantes de sensualidade. Por isso, a busca por um abdômen mais musculoso tem sido cada vez maior. No entanto, a grande maioria das pessoas desconhece os exercícios mais recomendados, a forma ideal e com que freqüência trabalhar o músculo. Por falta de experiência, acabamos acreditando em certas lendas e informações falsas, que às vezes acabam por atrapalhar o desenvolvimento muscular.

Aqui vão algumas dicas para quem quer malhar o abdômen:

  • Antes de mais nada, é importante lembrar que os exercícios abdominais não eliminam as gorduras localizadas na região da barriga e da cintura, independente da quantidade e do tipo de exercício realizado. Então, combine esses exercícios com atividades aeróbicas, como corrida e natação
  • Mantenha uma dieta mais saudável e com menos calorias. Procure evitar doces, gorduras e frituras.
  • Apesar de alguns artistas afirmarem que fazem cerca de 1000 abdominais por dia, é importante deixar sua musculatura descansar, pois é no período de descanso que ela cresce e se recupera. Portanto, realize os exercícios abdominais em dias alternados para garantir melhores resultados
  • Evite aqueles exercícios em que você sente algum tipo de desconforto durante a prática, pois eles geralmente resultam em uma compensação em outras partes do corpo, como pescoço e costas, causando dores e lesões.
  • Procure um profissional da área de educação física para te auxiliar. Ele tem o conhecimento necessário para balancear séries e repetições dos melhores exercícios de acordo com o seu porte físico, evitando problemas e fazendo com que seu objetivo seja alcançado mais rapidamente.